Sexta, 22 de junho de 201822/6/2018
55996230597 -- 55999899863 -- 55997318413
Banner 1
ESPECIAIS
Funcionários dos Correios no RS decidem encerrar greve no fim da noite desta segunda
De acordo com o Sintect-RS, em assembleia realizada na tarde do mesmo dia foi definido o retorno ao trabalho às 23h59. Entidade diz que adesão foi de 70% entre os carteiros e 30% entre atendentes.
Gilmar Machado Redentora - RS
Postada em 12/03/2018 ás 21h52
Funcionários dos Correios no RS decidem encerrar greve no fim da noite desta segunda

Agências dos Correios em Porto Alegre funcionaram na manhã desta segunda(12). (Foto: Reprodução/RBSTV)



Os funcionários dos Correios no Rio Grande do Sul decidiram encerrar a greve da categoria no final da noite desta segunda-feira (12). De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores dos Correios e Telégrafos do estado (Sintect-RS), em assembleia realizada na tarde do mesmo dia foi definido o retorno ao trabalho às 23h59.




Ainda conforme a entidade, a adesão à greve foi de cerca de 70% entre os carteiros, e aproximadamente 30% entre atendentes. Pela manhã, nenhuma agência ficou fechada. A empresa afirma que contou nesta segunda com 6.542 funcionários em todo o estado, de um total de 7.207.




A empresa se manifestou por nota, reconhendo que a greve é um direito do trabalhador, mas afirmando que, neste momento, agrava a situação da empresa. O plano de saúde, uma das principais pautas dos grevistas, foi discutido com a categoria, aponta a nota (leia a íntegra abaixo).




A principal reivindicação dos trabalhadores é a instituição de mensalidade e também o aumento na coparticipação por procedimento do plano de saúde dos funcionários e seus dependentes. A empresa sustenta que não tem mais condições de custear o benefício, e ingressou com ação no Tribunal Superior do Trabalho (TST) nesta tentativa.




Atualmente, os funcionários pagam somente um percentual por faixa de salário, que vai de 5 a 15%, por procedimento. De acordo com o sindicato, a gratuidade está prevista no acordo coletivo vigente, até o dia 31 de julho deste ano.




Além disso, o movimento contesta as alterações no plano de carreiras, a suspensão das férias dos trabalhadores, defendem a contratação de novos funcionários via concurso público e a extinção do cargo de operador de triagem e transbordo, entre outros.





Atrasos nas entregas e 1,3 mil trabalhadores a menos





Diante das frequentes reclamações sobre atrasos nas entregas, o sindicato esclarece que os Correios operam com uma defasagem de 1,3 mil trabalhadores no estado. "Há fechamento de postos em todo o país. No Brasil, faltam 20 mil funcionários", complementa o diretor de comunicação.




Somente na Região Metropolitana de Porto Alegre e no Litoral Norte, os Correios tiveram uma redução de 18% no número de carteiros.





Nota dos Correios






A greve é um direito do trabalhador. No entanto, um movimento dessa natureza, neste momento, serve apenas para agravar ainda mais a situação delicada pela qual passam os Correios e afeta não apenas a empresa, mas também os próprios empregados. Esclarecemos à sociedade que o plano de saúde, principal pauta da paralisação iniciada nesta segunda-feira (12), foi discutido exaustivamente com as representações dos trabalhadores, tanto no âmbito administrativo quanto em mediação pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) e que, após diversas tentativas sem sucesso, a forma de custeio do plano de saúde dos Correios segue, agora, para julgamento pelo TST. A empresa aguarda uma decisão conclusiva por parte daquele tribunal para tomar as medidas necessárias, mas ressalta que já não consegue sustentar as condições do plano, concedidas no auge do monopólio, quando os Correios tinham capacidade financeira para arcar com esses custos.





 
FONTE: G1 RS
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
imprimir
111

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados

contador gratuito

Site desenvolvido pela Lenium