Segunda, 18 de junho de 201818/6/2018
55996230597 -- 55999899863 -- 55997318413
Banner 1
POLÍCIA
Suspeito de participação na morte de três pessoas é preso em São Gabriel
Crime aconteceu no domingo (14) e vitimou os irmãos Maicon Silveira Soares e Conrado Silveira Soares, além de Igor Rodrigues Soares. Polícia acredita que triplo homicídio tenha relação com furto a uma residência na cidade.
Jooh Silvestre Redentora - RS
Postada em 17/01/2018 ás 11h29
Suspeito de participação na morte de três pessoas é preso em São Gabriel

Irmãos Conrado Silveira Soares e Maicon Silveira Soares foram mortos na noite de domingo (14) (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Foi preso por volta das 18h desta terça-feira (16) um suspeito de participar da morte de três homens em São Gabriel, na Região da Campanha do Rio Grande do Sul. De acordo com a polícia, as vítimas foram atingidas com tiros na cabeça no começo da noite de domingo (14).


A Justiça já havia autorizado a prisão preventiva desse suspeito, que tem 22 anos. Ele foi até a delegacia com um advogado, e disse que não tem envolvimento no caso, que apenas fez um serviço de mototáxi para o homem que fez os disparos.


Outro suspeito já foi identificado, mas segue foragido.


Os três mortos foram identificadas como sendo os irmãos Maicon Silveira Soares, de 19 anos, e Conrado Silveira Soares, de 27 anos, além do amigo deles Igor Rodrigues Soares, de 23 anos. O primeiro chegou a ser levado ainda com vida para o hospital, mas não resistiu.


Para o delegado José Enilvo Soares de Bastos, que investiga o caso, tudo indica que o crime tenha sido motivado por um furto a uma residência na cidade.


"Um dos mortos é suspeito de participação nesse furto, que ocorreu na casa da família de um presidiário. Ele teria ordenado essa execução", afirma.


O delegado não informou qual dos três mortos seria o alvo, mas disse que os outros dois provavelmente "morreram por estarem ali com ele".


Como o crime aconteceu


Os três foram mortos na Avenida Antônio Trilha, no bairro Gabrielense, com tiros na cabeça, o que segundo a polícia reforça a tese de execução.


O crime aconteceu enquanto os três conversavam, quando dois motoqueiros chegaram e ordenaram que uma quarta pessoa, que estava junto com as vítimas, entrasse em casa. Imediatamente os três foram alvejados na cabeça.


Conforme a polícia, Conrado já tinha passagens por tráfico de drogas. Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Santa Maria, localizado cerca de 180 quilômetros distante de São Gabriel.

FONTE: G1 RS
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
imprimir
272

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados

contador gratuito

Site desenvolvido pela Lenium