Quinta, 23 de novembro de 201723/11/2017
55996230597 -- 55999899863 -- 55997318413
Ensolarado
10º
13º
24º
Redentora - RS
Erro ao processar!
Banner 1
GERAL
Criança escreve pedido de socorro no quadro negro de uma escola na Capital
Professora contou que as crianças ficaram em silêncio ou chorando baixo depois que os tiros cessaram
Jooh Silvestre Redentora - RS
Postada em 07/09/2017 ás 20h44
Criança escreve pedido de socorro no quadro negro de uma escola na Capital

Foto: Divulgação

Uma professora de Porto Alegre relatou no Facebook o clima de tensão que se instalou na sala de aula quando um tiroteio assustou os alunos da escola municipal onde ela leciona, em Porto Alegre. A troca de tiros ocorreu na tarde dessa quarta-feira, no bairro Mario Quintana.


 Na rede social, a professora Fabiola Borgias contou que as crianças, entre 6 e 7 anos de idade, ficaram em silêncio ou chorando baixo depois que os tiros cessaram. Na lousa, uma delas escreveu: "Mãe, socoro (sic)". Era uma criança em fase de alfabetização. "Foi um soco! Que mundo é esse que a primeira frase de uma criança é um pedido de socorro?", escreveu a professora na publicação.


Fabiola relata ainda que as mães chegaram a invadir a sala de aula para fugir dos tiros, e as crianças foram para debaixo da mesa dela. Após o tiroteio, a professora colocou jogos, brinquedos e cantou músicas com as crianças para tentar acalmá-las.

FONTE: Correio do Povo
tags:
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
imprimir
415

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados

contador gratuito

Site desenvolvido pela Lenium